Twitter, onde a notícia circula primeiro

Nova Escola de Marketing
24 de abril de 2016

O Twitter pode não render muito para os acionistas e criadores, mas está vivo e relevante para os usuários, o jornalismo e até para o poder público.

Com mais de 10 anos de vida e meio milhão de usuários, o Twitter conta a história do mundo.

– Twitter, quem usa isso ainda? As pessoas estão é no Facebook!

Sim, é verdade, o mundo está no Facebook. Porém os usuários do Twitter são engajados em fazer a rede social muito interessante, com informações atualizadas, compartilhamento de conhecimento e possibilidade de conhecer pessoas distantes geograficamente.

E isso acontece (pelo menos por enquanto) por causa da organização em ordem cronológica das postagens – e não seguindo a lógica de um algoritmo desconhecido que faz uma postagem de três dias atrás aparecer para você como algo novo.

Imediatismo é a ordem no Twitter

E por isso podemos dizer que o Twitter se tornou relevante como fonte de informação e pela narração em tempo real do que acontece pelo Brasil e o mundo. Os usuários não precisam estar conectados às grandes mídias para saber o que acontece por aí.

Com as famosas hashtags você pode seguir conteúdo específico e conhecer novas pessoas que estão abordando o mesmo tema de seu interesse. Você amplia sua capacidade de amizades, mesmo que virtuais, que estão fora do seu círculo social e familiar, ou seja, fora da bolha de informação que o Facebook proporciona.

Com o trending topics, um ranking das discussões baseado no uso de hashtags, você pode participar de discussões. E esses tópicos estão categorizados por diversas cidades do mundo, países e pelo Worldwide podemos saber os tópicos mais discutidos em todo o mundo.

E neste ponto que vemos uma mudança de paradigma. As grandes mídias são confrontadas por usuários que dão notícias, compartilham informação e analisam a situação, mesmo estando fora do sistema.

O Twitter, com seu poder de viralização e a maior parte de perfis públicos (cerca de 80%), permite que pessoas fora do sistema tradicional de informação, leia-se a grande mídia, ganhem destaque e credibilidade.

E muitos já criaram o hábito de usar os canais tradicionais de informação apenas para saber que leitura farão de determinada notícia e assim poder compará-la à sua própria interpretação e analisar criticamente essas informações.

Onde a notícia circula primeiro

E agora me arrisco a dizer que o Twitter ganha um importante espaço como o meio de comunicação que dá a notícia. Por ser uma ferramenta digital, que tem como característica a velocidade da informação, tem deixado grandes mídias para trás.

E junto com outras ferramentas digitais de geolocalização, como o Google Maps, tem sido de extrema relevância para a localização de pessoas em situações extremas como o terremoto do Haiti, o desastre de Mariana, atentados terroristas e muitos outros casos.

Por essa característica de dar a notícia, os meios de comunicação utilizam o Twitter para seguir personalidades, celebridades e outros sites de mídias, sempre atentos em busca de atualização com o que acontece pelo mundo.

O poder público utiliza o Twitter (ou deveria usar) para informar sobre urgências na cidade e para salvamento e resgate. Um dos casos de sucesso é o perfil do Centro de Operações do Rio de Janeiro (@OperacoesRio), que mantém seus seguidores informados sobre assuntos que podem atrapalhar a locomoção dos cariocas, como trânsito, clima, acidentes e bloqueios, como aconteceu recentemente, quando os taxistas pararam a cidade para um protesto.

Apesar de não ser uma ferramenta digital que rende enorme sucesso financeiro para seus acionistas, o Twitter se mantém vivo e relevante — para seus usuários, para os meios de comunicação e para o poder público.

Novos recursos foram adicionados para estimular o uso por parte de anunciantes (aqui), novos aplicativos foram oferecidos aos usuários, como o Periscope e as enquetes. Porém isso já é uma outra história. 

E você, não vai colaborar no Twitter com essa história a ser contada?

Dez anos desde o primeiro Twitter de Jack Dorsey

O primeiro tuite, em 2006

O primeiro a gente nunca esquece

meu primeiro tuite

E muito foi comemorado com a hashtags  #LoveTwitter.

twitter 10 anos

10 anos de twitter

E com o vídeo que apresenta momentos importantes em que mensagens postadas no Twitter fizeram história. E fazer história tornou-se uma prática comum entre os meio milhão de usuários do Twitter.

Veja o vídeo, é muito interessante. Ou no YouTube:


 
O Twitter dá a notícia… a grande mídia é pega de surpresa!

twitter-michael-jackson

A instantaneidade do Twitter faz uma foto viralizar milhões e milhões de vezes!

selfie-oscar

O poder público usa o Twitter para se comunicar com a população:

alerta

Acompanhe discussões por todo o mundo:

twitter worldwide trends

[Webinsider]

Vale a pena ter perfis em várias redes sociais?

Avalie este artigo:
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *