O que você precisa saber para anunciar no Google AdWords

21 de setembro de 2016

Anunciar no Google Adwords é acessível e traz retorno. Mas antes entenda como funciona a ferramenta para não desperdiçar seu investimento.

Anunciar no Google AdwordsQuantas vezes por dia você realiza buscas no Google? Ao menos mais de uma vez, não é? Centenas de milhões de pessoas pelo mundo fazem a mesma coisa diariamente.

Entenda como funciona o Adwords: segundo a Internet Live Stats, o Google recebe em média 40 mil novas pesquisas por segundo – são 3,5 bilhões de buscas diárias.

E uma pequena parcela delas – o que já é muito – pode estar relacionada ao segmento da sua empresa e suas ofertas. Então, sabendo desse público ativo e ávido por soluções para os próprios problemas, por que não anunciar no Google?

Esse é um investimento que pode fazer com que as pessoas certas cheguem até seu site ou blog por meio de pesquisas pertinentes à sua área de atuação. Com auxílio da plataforma de anúncios do Google, o Google AdWords, você pode facilmente colocar essa ideia em prática.

Como funciona o Google AdWords

O Google AdWords é uma ferramenta em que você cria campanhas para aparecer nas pesquisas do Google e YouTube, além da rede de display, que é o conjunto de sites parceiros que cedem espaços para a inserção de anúncios (incluindo páginas de notícias, esportes, finanças, automotivos etc.).

Essas campanhas podem ter a forma de resultados de pesquisa, aparecendo ao lado ou acima dos primeiros resultados orgânicos, ou de textos, gráficos, rich media e vídeos.

O que dita o valor que você paga e para quem seus anúncios irão aparecer são as palavras-chave, termos exatos ou aproximados da forma como as pessoas pesquisam no Google. Se há uma demanda por tênis esportivos, por exemplo, e você tem uma loja de produtos dessa linha, é indicado que você compre palavras-chave como “tênis esportivo” ou “tênis para corrida” e as inclua em seus grupos de anúncio.

Assim, os usuários que se encaixarem no público-alvo definido por você na plataforma provavelmente terão contato com o seu anúncio ao pesquisar por esses termos no Google, podendo clicar nele ou não.

Mas, então, vamos à parte que mais interessa: veja a seguir os seis motivos para você investir e anunciar bem no Google AdWords.

1. Resultados rápidos

Uma das grandes vantagens do AdWords é que, logo após o término da configuração da campanha, ela já pode ser ativada e começar a ser exibida ao público. Essa é a forma mais rápida de colocar o seu site nas posições de destaque nos resultados de busca, obtendo os primeiros cliques e oportunidades de negócio.

Por conta disso, o investimento em links patrocinados pode ser o complemento ideal para as estratégias de Inbound Marketing, SEO e redes sociais. Isso porque, com essas técnicas, para aparecer na primeira página do Google organicamente você pode levar desde 6 até mais de 12 meses – e, caso você tenha um ecommerce, a necessidade por resultados rápidos é ainda maior. De alguma forma, seu site ou blog precisa ter uma sobrevida até lá.

2. Altamente personalizável

Outro ponto interessante do Google AdWords é o poder de segmentação. Você pode customizar seus anúncios de acordo com:

  • Palavras-chave: seu uso é obrigatório e fundamental para atrair cliques de pessoas que buscam exatamente pelos objetos que você vende ou aborda nos conteúdos;
  • Localização geográfica: detalhe importante para negócios locais que têm limitações quanto à sua cobertura de atuação. Você pode exibir seus anúncios por países, regiões, estados, cidades, CEPs e distância aproximada;
  • Idiomas: se você também trabalha com clientes internacionais, então é relevante mostrar os anúncios para pesquisas em inglês, espanhol e demais idiomas;
  • Horários: seus anúncios podem ficar no ar durante um determinado intervalo que você considerar mais vantajoso para as conversões, como até às 20h, ou entre 10h e 18h. Isso funciona bem para campanhas temáticas (horário de almoço, descontos na madrugada, pré-venda de um produto etc).

E vale frisar: quanto mais bem direcionada for a sua campanha, maior será sua taxa de cliques e menor o valor pago para gerar um novo lead ou cliente.

3. Mensurável e adaptável

O AdWords é uma das ferramentas que provam que o marketing digital é totalmente mensurável — todas as suas métricas importantes para avaliar a eficiência de uma campanha podem ser monitoradas em tempo real. Além disso, a plataforma é flexível, pois permite mudanças de exibição dos indicadores de desempenho dos seus anúncios de acordo com a sua vontade.

Na prática, você pode acompanhar os resultados da sua campanha a partir de métricas como:

  • Impressões;
  • Cliques e taxa de cliques;
  • Total de conversões e taxa de conversão;
  • Investimento aplicado;
  • Receita gerada;
  • Custo por clique;
  • Localização, palavras-chave, gênero, período do dia e dispositivos de acesso do público.

E esses indicadores podem ser analisados entre diferentes palavras-chave e grupos de anúncio da sua campanha — o que pode ser importante para descobrir onde você ganha e perde dinheiro.

4. Total controle sobre o investimento

Um outro motivo para se investir no AdWords é a liberdade dos anunciantes para gerenciar o seu orçamento. É possível delimitar o quanto se está disposto a gastar por mês, por dia e por lance para cada palavra-chave. Sem contar que não existe um valor mínimo para gastar – é claro que quanto menor o lance, menores as chances de o anúncio aparecer com mais frequência.

Há também a possibilidade de alterar os valores investidos de um dia para o outro, redistribuir o investimento entre os seus grupos de anúncio ou simplesmente interromper a campanha e parar de pagar.

5. Otimiza conversões em landing pages

Esse ponto tem muito a ver com a questão dos resultados imediatos. Sabe-se que as Landing Pages têm um papel decisivo na geração e qualificação de Leads, além de ajudarem na conversão de materiais ricos e até mesmo de produtos. Então a importância do Google AdWords aqui está em levar tráfego qualificado mais rapidamente para essas páginas, ajudando a otimizá-las antes que comecem a receber uma carga maior de visitantes de estratégias orgânicas.

Os links patrocinados ajudam não só a gerar os primeiros Leads e conversões, mas também na preparação de melhores Landing Pages. Você pode criar testes A/B, por exemplo, para experimentar a preferência do público por um determinado título, imagem, call-to-action, oferta ou formulário, dentre outros elementos.

6. Traz potenciais clientes em todas as etapas do funil de vendas

Podemos considerar essa como outra opção natural de segmentação do AdWords, mas, na verdade, ela tem muito mais a ver com a jornada de compra do seu público e o seu funil de vendas.

Geralmente, um funil é dividido em topo (descoberta, aprendizado e reconhecimento de um problema), meio (consideração) e fundo (avaliação e compra), certo? Então, mais uma vez vemos a importância das palavras-chave – seu uso correto poderá indicar um grupo de anúncios para pessoas que estão no topo, outro para Leads que estão no meio e outro ainda para potenciais clientes que estão no fundo.

Um exemplo: quem procura por “churrascaria em Ipanema” já sabe o que quer; logo, essa é uma palavra-chave a ser comprada e inserida em um grupo de anúncios para o fundo do funil de vendas. Agora, quem busca no Google por “dicas para curtir a noite carioca” pode estar entre o início e o meio do funil e, portanto, é preciso mais informações para estimular seu desejo de ir à churrascaria.

Enfim, anunciar no Google AdWords traz benefícios que complementam as táticas de ganho orgânico. A plataforma de anúncios gera resultados rápidos e tem um alto grau de customização, controle orçamentário e métricas, e é uma ferramenta que atende as expectativas de quem não quer perder tempo para conseguir uma boa base de Leads em pouco tempo.

Agora que você sabe a relevância dessa ferramenta, o próximo passo é entender como ela funciona e como criar uma campanha que produza oportunidades de negócio, certo?

Então aproveite agora mesmo para baixar gratuitamente o nosso kit para geração de leads com Google AdWords. [Webinsider]

…………………………

Leia também:

Avalie este artigo:
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Pin on PinterestEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *