publicidade

Fernand Alphen em 10 de março de 2016

A propaganda balbucia

O mundo ficou binário e simplório e não há mais espaço para a dúvida, para a interrogação, para a sutileza, para a poesia, para a descoberta.