TV, vídeo

Carlos Nepomuceno em 14 de junho de 2014

YouTube repete o erro da TV de massa

Ao invés de privilegiar a criação de uma indústria nova e pulverizada de produtos de vídeos alternativos, a plataforma colaborativa prefere seguir a mesma lógica da televisão e simplesmente remunerar quem atrai mais audiência.