plano_de_negocioAo desenvolver um plano de negócios, especialmente para captar recursos, siga estas dicas para aumentar suas chances de sucesso.

1. Plano de negócios mal escrito

Seja detalhista em pontuação, gramática e na redação. Qualquer pequeno deslize pode trazer a impressão de que haverá mais erros pela frente e em aspectos mais relevantes do seu plano de negócios. Evite um mal julgamento por um erro bobo.

2. Apresentação bagunçada

A apresentação tem que casar com a escrita do ponto 1. O mesmo capricho no português (ou na língua em que precisar escrever seu plano de negócios) tem que ser dado à apresetação para ganhar confiança e evitar pré-julgamentos.

3. Plano incompleto

Não deixe de cobrir pontos essenciais, como por exemplo a análise do cenário competitivo ou a projeção do seu resultado financeiro. Se você esqueceu de pensar nisto na tranquilidade da etapa de planejamento o que mais irá esquecer quando estiver na correria da execução deste plano?

4. Plano muito vago

Seu plano deve ser autoexplicativo para quem o lê de fora. Aponte com clareza que problema seu negócio irá resolver e como.

5. Plano detalhado demais

Não entre em detalhes técnicos demais, dica especialmente importante para os profissionais ou empresas de base técnica. Foque nos aspectos práticos e mercadológicos de forma clara e resumida. Lembre-se, isto é um negócio.

6. Premissas irrealistas

Que tamanho tem o seu mercado endereçável, aquele que seu produto ou serviço irá resolver? Que preço seus clientes estão dispostos a pagar por isto e por que? Procure por referências em seus competidores, análises de mercado e até lançando uma versão preliminar do seu produto ou serviço para colher feedback com seu público-alvo.

7. Pesquisa inadequada

Garanta que os fatos que você usou para embasar as premissas do seu plano de negócios são realmente fatos. Cite as fontes dos números que você apresentar, pro exemplo, do tamanho do mercado potencial.

8. Você assume que não há risco envolvido no seu negócio

Qualquer investidor, seja ele um investidor-anjo ou um banco de fomento, sabe que não existe tal coisa como um negócio livre de riscos. Não tente enganá-lo. Aponte os riscos de antemão e como irá minimizar cada um deles.

9. Não ver que há competidores

Mais uma vez, isto também não existe. Talvez sua ideia esteja mesmo criando um novo nicho ainda não explorado, mas sempre haverá um competidor, se não direto, indireto. Faça o exercício de pensar no seu negócio após ele ter sucesso, quem irá querer aproveitar a oportunidade que você vislumbrou e que diferenciais eles possuem que você precisará combater?

10. Não é um plano de verdade

Afinal de contas, como você sairá de apenas um plano para colocar esta ideia em prática? Por exemplo, quando você pretende lançar sua primeira versão do produto ou serviço? Qual é sua estratégia de expansão? Quando irá atingir o ponto de equilíbrio financeiro?

Baseado em premissas confiáveis, estabeleça os marcos pelos quais sua empresa irá passar para atingir o sucesso. [Webinsider]

. . . . .

. . . . .

Leia também:

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+