Criatividade é crucial para tudo que o ser humano faz. Afinal, o mundo é movido por boas ideias, desde a invenção da roda até o Hyperloop. É por meio das soluções criativas que vemos tudo acontecer e podemos alcançar bons resultados. E isso pode acontecer na sua empresa também!

Pensando no sucesso que a criatividade no trabalho pode trazer, listei aqui algumas dicas que podem ajudá-lo a cultivá-la. Entenda um pouco mais também sobre os motivos que fazem da criatividade algo essencial para um negócio em busca do crescimento. Mãos à obra?

Importância da criatividade no trabalho

Quando pensamos em um ambiente de trabalho criativo, a primeira imagem mais comum é a de um escritório com móveis coloridos e descolados – bem ao estilo Google. Mas não é necessário ter tudo isso para construir uma empresa criativa. Na verdade, é bem possível que a sua já tenha colaboradores com essa habilidade!

Criatividade é uma abordagem de negócio que encontra caminhos alternativos para resolver problemas – não apenas para criar novos produtos, por exemplo. E resolver problemas significa economizar recursos, ganhar tempo e ser mais eficiente. Se alguém oferece uma ideia que dá algum desses resultados, temos criatividade no trabalho!

Mas não é só com esse objetivo que a criatividade deve ser implementada: o pensamento criativo, que traz novas ideias, também é essencial. Bolar novos projetos é uma das maneiras de fazer isso – é com eles que você oferece algo a mais para os clientes, se colocando como líder do segmento.

Uma última coisa antes de chegarmos às dicas para cultivar a criatividade no trabalho: evite confundi-la com inovação. Criatividade é libertar o potencial da mente para ter novas ideias e inovação significa mudar sistemas pré-estabelecidos para algo melhor (o que podemos chamar de disrupção).

Muito bem. Compreendemos então a importância de incentivar a criatividade no trabalho. Confira agora dicas práticas para fazer exatamente isso.

1 – Possibilite a ida a conferências e cursos

Eventos, conferências, encontros e outros momentos onde profissionais da área se reúnem são perfeitos para inspiração. São locais onde pessoas que pensam parecido se conectam e descobrem novas formas de fazer as coisas acontecerem.

Por isso, incentive a ida! Separar um pouco do orçamento só para isso é uma ótima ideia. Pense que o retorno virá em forma de projetos criativos e profissionais realizados e capacitados.

criatividade no trabalho

2 – Incentive a leitura

A leitura é, sem dúvidas, a melhor forma de gerar inspiração. É dessa forma que aprendemos coisas novas e a partir delas temos boas ideias – ler exercita o cérebro, nos faz deixar as distrações de lado e focar, além de ajudar a fortalecer o raciocínio lógico. Mas como incentivar a leitura?

Você pode oferecer algumas facilidades, como descontos em livrarias ou assinatura gratuita de serviços como o 12Min. Além disso, que tal criar um clube de leitura na empresa? É o momento perfeito para indicar bons livros e integrar a equipe.

3 – Promova diversidade

Garanta que o background da equipe seja diverso. Ter visões de mundo diferentes é essencial para expandir as possibilidades e projetos criados assim têm mais chance de serem efetivos. Veja alguns tipos de diversidade:

  • Étnico – se preocupar em recrutar pessoas de raças diferentes desenvolve a troca de experiência e fortalece a criatividade no trabalho.
  • Experiência – também é interessante incluir pessoas com níveis de experiência diferenciados. Estagiários podem trazer um novo fôlego às ideias, enquanto profissionais seniores realizam projetos baseando-se em situações vividas.
  • Tipos de personalidade – extrovertidos e introvertidos têm suas próprias habilidades e incluí-los em projetos juntos pode significar mais soluções criativas.

4 – Recompense a criatividade

Nem toda ideia vai se tornar um sucesso, mas as grandes não aparecem se houver receio. É preciso que a empresa esteja confortável com possíveis falhas e saiba lidar com elas, oferecendo aos funcionários liberdade e flexibilidade para experimentar e tentar novas coisas.

Para que as pessoas se sintam confortáveis para isso, é preciso recompensar, não só com dinheiro, mas com reconhecimento, aqueles que aplicam a criatividade no trabalho. Que tal um prêmio para ideias mais legais do ano? Mostre que você valoriza quem está com vontade de descobrir novos jeitos de fazer as coisas acontecer.

5 – Fique longe do microgerenciamento

Observar, oferecer feedback e pedir follow ups de novos projetos é essencial do ponto de vista da liderança. No entanto, é preciso saber o limite entre isso e o microgerenciamento. Quando um líder cai nisso, as pessoas se sentem sufocadas e a consequência é a perda do desejo de criar, inovar e expandir conhecimentos.

Ao invés de estar sempre do lado das pessoas esperando por resultados, procure dar autonomia para os times testarem soluções e tocarem seus projetos. Claro, é preciso mostrar interesse. Mas não é preciso estar “sempre no pé”. Saiba essa diferença e a criatividade no trabalho ganha mais um ponto!

6 – As pessoas precisam acreditar no trabalho que fazem

Isso é especialmente verdade para os millennials, que têm tomado conta cada vez mais do mercado de trabalho. Um salário alto e um carro da empresa não substituem a vontade de executar o próprio trabalho, que é o que nos faz acordar todos os dias animados.

Por isso, quando pensar em incentivar a criatividade no trabalho, reflita também sobre sua equipe. Contratar pessoas com valores parecidos ao da companhia e que realmente gostam da área é essencial.

Quer saber mais sobre como acender a chama criativa? Veja este post!

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+