Você sabia que o LinkedIn tem 500 milhões de usuários? Quase 30 milhões só no Brasil. Isso significa que é a maior rede social profissional do mundo. Além de fomentar relações profissionais, oferece ferramentas de recrutamento e seleção para empresas e anúncio de vagas para profissionais.

Apesar do grande potencial para marcas, é importante saber como usar o LinkedIn antes de fazer seu perfil. Afinal, nem todas as empresas precisam necessariamente criar estratégias para a rede – é preciso que seu público se encontre por lá.

Neste artigo, saiba para que serve a rede, como funciona e algumas dicas para ter sucesso na plataforma como negócio.

Como funciona e como usar o LinkedIn

O LinkedIn é uma rede social criada especialmente para profissionais e empresas se conectarem com clientes, candidatos, colaboradores, etc. Diferente de outras, essa rede é utilizada para criar relações estratégicas, ou seja, para o networking.

Por lá, existem pessoas de todos os segmentos e indústrias possíveis. Empresas e profissionais se conectam de várias formas: em posts, posts de blog (como o Pulse), fazendo recomendações, engajando nos posts de outras pessoas, etc. Com isso, é possível encontrar clientes, construir novas alianças, parcerias e muito mais.

Para começar a participar de tudo isso, se você ainda não tiver, crie um perfil. Em seguida, crie a company page, que é o tipo de fanpage do LinkedIn. Vá até o menu “Soluções” na barra superior direita e clique em “Criar Company Page”. Depois, basta inserir seu logotipo, o banner e a descrição.

Para que sua empresa seja encontrada na plataforma, adicione especialidades, links, descrições e tudo o que puder identificar seu negócio. Também é possível assinar alguma modalidade paga da plataforma:

  1. Premium Career para quem está procurando posição no mercado de trabalho
  2. Sales Navigator para empresas que desejam captar mais clientes
  3. Recruiter Lite para recrutadores
  4. Premium Business para negócios que desejam alcançar mais alianças e clientes
  5. LinkedIn Learning para quem deseja fazer cursos e aprender mais sobre o LinkedIn

Muito bem. Agora você já sabe um pouco mais sobre como usar o LinkedIn. Vamos, então, descobrir algumas dicas para fortalecer a sua estratégia de marketing.

como usar o linkedin

Não use o LInkedIn apenas com conteúdo replicado de outras redes

O tom de voz que você utiliza no LinkedIn é diferente daquele de outras redes, como Facebook e Instagram. Afinal, estamos falando com profissionais que estão lá também com o objetivo de fazer negócios.

Além da sua company page, utilize grupos e interaja com pessoas do mesmo setor. A estratégia deve se concentrar em torno da indústria e dos objetivos da sua estratégia de marketing.

Por isso, evite replicar o mesmo conteúdo de outras redes no LinkedIn.

Trabalhe com impulsionamento

Assim como o Facebook, que passou por várias mudanças de uns tempos para cá, o LinkedIn também procura atrair anunciantes para sua plataforma. Por isso, seu conteúdo terá mais visibilidade se você separar algum orçamento para anúncios.

As publicações impulsionadas têm um custo variável, de acordo com o que você tiver disponível. Funciona assim:

  1. Pagamento por clique (CPC): especifique um valor máximo por clique no link impulsionado.
  2. Custo por cada 1000 impressões (CPM): especifique um valor máximo por cada mil impressões (visualizações do anúncio).

Essa escolha depende da sua estratégia. Se você deseja trazer tráfego para o site, a primeira é mais viável. Agora, se você deseja anunciar uma vaga, talvez seja a segunda opção. Saiba mais sobre como utilizar o LinkedIn Ads.

Engage seus stakeholders

Nada melhor do que trazer as pessoas que já conhecem a sua marca para o seu LinkedIn. Incentive colaboradores a compartilharem posts e interagir comentando e curtindo (quem sabe uma newsletter interna ajude?).

Além disso, espalhe a palavra entre seus clientes. Peça bons reviews de produtos e serviços e compartilhe conteúdos úteis para eles. Quando fizer uma entrega, por exemplo, porque não incluir um cartão com o endereço da company page?

Construa bem o seu perfil e dos seus colaboradores

Além de incentivar a participação de colaboradores no LinkedIn da empresa, também é interessante explicar para eles como demonstrar que são parte do time para a comunidade da plataforma. O seu perfil, caso seja de diretor ou CEO, também é importante, afinal, é parte do branding da empresa.

  • Uma boa ideia é distribuir um pequeno manual sobre como usar o LinkedIn. Algumas dicas:
  • Ter uma boa foto de perfil (você pode até mesmo contratar um fotógrafo para tirar foto de todas as pessoas, ou pelo menos os gestores). Perfis com boas fotos recebem 14 vezes mais visualizações.
  • Crie uma descrição que mostre quem você é e o que faz de melhor.
  • Conte bem sua história profissional e como chegou até aqui, falando sobre o quanto gosta de trabalhar para nós.
  • Coloque no perfil amostras do seu trabalho, como projetos, apresentações e links.
  • Recomende o trabalho de seus colegas de empresa!

Utilize os grupos do LinkedIn

Assim como no Facebook, o LinkedIn tem grupos de discussão, onde as pessoas trocam informações sobre um setor e conhecem outros profissionais com os mesmos interesses. Se você produz conteúdo interessante na sua área, não deixe de compartilhar!

E, caso não existam grupos dentro do seu assunto, aproveite essa ótima oportunidade e crie um você mesmo!

Caso queira desenvolver um pouco mais suas técnicas nesse sentido, veja esse post sobre como construir uma comunidade em torno da sua empresa.

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+