E-commerce de serviços, conhece?

Nova Escola de Marketing
24 de setembro de 2015

A compra de serviços via plataformas vai amadurecer e facilitar a vida das pessoas. E segunda-feira de manhã vem aqui o rapaz da petshop levar o cachorro para banho e tosa.

dogReclamações sobre entregas fora do prazo e qualidade do serviço prestado são cada vez mais recorrentes. Para driblar essa situação, as empresas têm se esforçado para entregar serviços que surpreendam o cliente.

No e-commerce, por exemplo, a venda de produtos não é mais satisfatória, pois os consumidores desejam atendimento de excelência e experiência diferenciada.

Fidelização

Diante deste desafio, todos os processos merecem um cuidado maior, desde informações sobre o produto, prazos de entrega até o pós-venda. É esta última etapa que, muitas vezes, recebe menor atenção e investimento por parte das organizações.

Imagine a seguinte situação: você adquire uma televisão em um e-commerce e ela deixa de funcionar. Normalmente, você acessaria o site do fabricante para identificar a autorizada mais próxima da sua casa, levaria o produto até lá e o buscaria depois de alguns dias. Não seria mais fácil se você pudesse simplesmente acessar o comércio eletrônico em que fez a compra e agendar a retirada da TV na sua casa para a manutenção?

Com o e-commerce de serviços isso será possível. Além da praticidade e comodidade oferecida, esta modalidade proporciona uma nova experiência de consumo e contribui imensamente para a fidelização dos clientes.

Por meio de uma base de dados única, as empresas conseguirão acompanhar toda a jornada dos compradores, sendo possível encantá-lo em todo o processo, inclusive após a conclusão dos pedidos, aumentando assim a confiança deles na organização e as chances de uma nova aquisição na loja. Fidelização!

Plataforma para a venda de serviços

É importante destacar que nesta nova modalidade de e-commerce é possível também comercializar apenas serviços, sem atrelá-los a qualquer produto, como o agendamento de banho e tosa em um pet shop, por exemplo. Desta forma, ao invés de levar o seu cachorro ao pet shop antes de ir ao trabalho, você poderia simplesmente agendar o serviço desejado online e, no dia e horário combinado, a empresa buscará o seu pet em casa.

Além das facilidades, os consumidores esperam também mais liberdade para realizar pequenos ajustes em agenda e precificações mais previsíveis. Para atender a essa demanda os e-commerces de serviço podem estabelecer pacotes padrões para soluções rotineiramente solicitadas pelos clientes, como quando o ferro de passar roupa deixa de esquentar ou a resistência do secador queima.

Sem inadimplência

A plataforma ainda contribuirá para a redução da inadimplência, devido ao pagamento no ato da contratação do serviço. E também para a entrada dos prestadores de serviço no ambiente digital, atuando como elo entre os comerciantes de produtos, os prestadores de serviços e os consumidores. Isto permitirá um valor agregado ainda maior ao pós-venda e ao atendimento ao cliente.

Até o momento, nenhuma companhia atua dessa maneira, porém, a correria do dia a dia, principalmente nos grandes centros, deve impulsionar essa modalidade de comércio eletrônico.

A facilidade de agendar o serviço a qualquer momento, mesmo que ele seja realizado apenas durante o horário comercial, com certeza simplifica muito o dia a dia dos consumidores. [Webinsider]

…………………………

Leia também:

Avalie este artigo:
Share this...
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *