Trabalhar no escritório moderno é difícil. São muitas situações diferentes acontecendo, pessoas falando, barulhos diferentes, etc. Para quem trabalha em casa não é tão diferente: já tentou sentar para escrever enquanto a pia está cheia e a máquina batendo roupas? Manter o foco é um desafio para o ser humano.

Isso é a ciência dia. Nosso cérebro foi feito para perceber o que muda a nossa volta. David Rock, autor de “Your Brain at Work”, explica que quando há alguma distração, o cérebro entende que pode ser sinal de perigo e, por isso, precisamos voltar a nossa atenção para aquilo.

No entanto, isso não significa que estamos fadados a ser distraídos. Existem formas de treinar a mente para se concentrar no que importa e até mesmo para realizar mais de uma tarefa ao mesmo tempo (é preciso tomar cuidado com essa habilidade e não deixar sair do controle).

Então, o que fazer para dar atenção ao seu trabalho, mesmo com o mundo gritando à sua volta? Continue lendo para saber algumas dicas de como manter o foco!

Faça o trabalho criativo primeiro

Quando você chega no trabalho na segunda-feira de manhã, quais tipos de tarefa prefere fazer primeiro? A maioria das pessoas escolhe aquelas que exigem menos raciocínio, como preencher uma planilha com dados do Analytics, por exemplo.

Mas o certo é fazer o contrário. O trabalho que exige menos esforço mental esgota a sua energia e reduz a capacidade de focar. Por isso, comece com as tarefas mais criativas e que requeiram mais concentração para depois passar para as mais fáceis.

foco

Treine o cérebro como treina os músculos

Quando você exagera nas multitarefas, seu cérebro se adapta, fazendo a habilidade de concentração decair. Pratique o contrário, desligando todas as distrações na medida do possível e se dedicando a apenas uma coisa.

Comece aos poucos, fazendo isso durante cinco minutos e vá aumentando, da mesma forma que você faria em um treinamento de força na academia de ginástica.

Compreenda onde seu foco deve estar

Para alcançar o foco, você também precisa entender o que merece a sua atenção. Segundo o pesquisador Ron Webb, do American Productivity and Quality Center (Centro Norte-Americano para a Produtividade e Qualidade), você deve identificar o que merece seu foco nesse ano, mês, semana ou dia. Olhe para seu calendário e bloqueie tempo para o que foi escolhido.

Se você precisa entregar uma grande apresentação e só tem um mês para cumpri-la, selecione horas desse período e concentre o trabalho só nelas.

Use e abuse das músicas

Essa dica não serve para todas as pessoas – mas ainda existe quem diz não conseguir trabalhar com música apenas por nunca ter encontrado a playlist perfeita. Segundo uma pesquisa publicada na revista Scientific Reports, ouvir música ajuda a focar em seus próprios pensamentos. No entanto, precisa ser algo que você realmente goste.

Veja algumas playlists bem variadas:

foco

Faça pequenos intervalos

Se o cérebro é feito para voltar a atenção para as distrações, é muito pesado exigir que ele se concentre durante horas a fio. Sem perceber, você gasta mais tempo fazendo as tarefas se tentar. Por isso, faça pequenos intervalos.

Um estudo da Universidade de Illinois sugere que essas pausas melhoram sua performance, fortalecendo o foco. Ao invés de pensar que você não tem tempo para parar, considere que pode acabar desperdiçando mais tempo sem se dar um descanso.

Medite e faça exercícios regularmente

Ambas práticas podem ser feitas do jeito que você preferir. Meditar pode significar sentar em um banco da praça e perder os pensamentos de vista. Os exercícios podem ser uma caminhada ou ir à academia.

A verdade é que as duas atividades podem aumentar seu foco, pois melhoram suas habilidades cognitivas e oxigenam o cérebro, melhorando a saúde mental. A atividade física, em especial, aumenta a produção do fator neurotrófico derivado do cérebro, composto químico que ajuda a melhorar o funcionamento das sinapses.

Tenha uma lista de tarefas

Para manter o foco, é essencial ter mecanismos para se lembrar o que precisa ser feito. O formato varia muito de pessoa para pessoa, veja alguns exemplos:

Seja qual for a ferramenta, o importante é saber o que precisa ser feito e se lembrar constantemente disso quando sentir que sua atenção está viajando por aí.

Deixe o trabalho no escritório

Ou na sua escrivaninha de casa. O importante é manter as coisas separadas. Além de dar um descanso de várias horas para sua cabeça, existem pesquisas que sugerem que se afastar dos problemas pode ajudar a solucioná-los.

Chegue no escritório no outro dia de manhã e tente novamente resolver algo que estava pendente. Provavelmente, com a visão refrescada, você terá mais noção sobre o que e como fazer.

Concentre-se em um objeto distante por alguns segundos

Muitos de nós passam o dia inteiro olhando para telas de computadores e celulares, o que pode tensionar os olhos e fazer o foco ser ainda mais difícil de alcançar. Por isso, o ideal é tirar alguns segundos durante o dia para olhar para algo distante. O melhor é ter uma janela, mas como isso nem sempre é possível, procure outras formas de fazer os olhos descansarem.

Cultive seu posto de trabalho

Por falar em ambiente de trabalho, procure fazer do seu posto um lugar bom de se estar. Afinal, a maior parte do seu dia será gasta ali. Algumas ideias:

  • Tenha uma planta pequena
  • Mantenha um cachecol na cadeira para quando o ar estiver muito frio
  • Limpe a mesa com frequência
  • Ajuste as alturas do computador e cadeira para uma boa postura
  • Se tiver espaço, coloque um poster ou obra de arte para contemplar de vez em quando

Viu só como não é preciso ir muito longe para ganhar habilidade de concentração? Se quiser continuar lendo sobre isso, indico o post Produtividade vem da simplicidade e do foco, com algumas teorias e ferramentas para ajudar a aumentar a produtividade.

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+