Com a crise financeira e política que enfrentamos, o cenário econômico se tornou confuso. O ano de 2018 começou otimista, mas tivemos a greve dos caminhoneiros, que travou a bolsa por dez dias, e chegamos ao segundo semestre com uma corrida eleitoral confusa e incerta.

Mas, já podemos dizer logo de início, mesmo com essas questões, investir em ações vale a pena. Inclusive, é possível até mesmo encontrar oportunidades de ouro em meio às mudanças e aparente queda na performance econômica do país.

Neste artigo, entenda um pouco sobre a bolsa de valores e se vale a pena investir.

O que é a bolsa de valores

Primeiro, um conceito básico: o que é bolsa de valores? Trata-se de um mercado onde investidores negociam ações e outros produtos financeiros. A bolsa concentra investimentos de todos os setores, desde bancos até planos de saúde.

As ações são um “pedaço” da participação nas empresas que elas colocam à venda para utilizar o dinheiro das pessoas no crescimento do negócio. Quando uma pessoa compra uma ação, ela tem direito sobre os lucros que a empresa gerar.

Nessa troca, a empresa ganha ao conquistar dinheiro para investir e a pessoa ganha dividendos, que têm potencial de ser bastante altos. A bolsa de valores dá a chance para as pessoas terem pequenas partes em grandes empresas.

O mais legal é que investir em ações não é como antigamente, quando víamos no telejornal vários negociadores gritando no telefone. Hoje, esse serviço se modernizou e temos o home broker. Isso significa que você pode investir em ações direto da sua casa (existem também opções de investimento junto a fundos, o que exige quantias menores).

Por que investir em ações

Mesmo com os benefícios de investir em ações claros, muita gente se pergunta se realmente vale a pena. Isso acontece especialmente com o cenário financeiro que enfrentamos, porque vemos notícias sobre como a Ibovespa caiu.

Quem não tem conhecimento sobre mercado financeiro se assusta com esse índice. Mas a verdade é que trata-se apenas de um índice e é diferente de bolsa de valores em si. Quando dizemos que o Ibovespa subiu, quer dizer que o desempenho médio das cotações de ações de maior volume negociadas nos últimos meses subiu.

Ou seja, ele não infere diretamente sobre uma ação ou outra, é apenas um indicador de como a bolsa de valores está se saindo.

Com isso esclarecido, vamos entender um pouco sobre os primeiros passos para investir em ações.

Como investir em ações

Assim como falei acima, é possível investir em ações diretamente da internet, por meio do home broker. Para acessá-lo, você deve abrir uma conta em uma corretora que ofereça o serviço – existem várias no mercado.

Com sua conta configurada, você poderá acessar o painel do home broker que informa: cotações, ordens de compra e venda. Muitos oferecem ainda gráficos para que você compare a performance ao longo do tempo.

Normalmente, abrir a conta é gratuito e você poderá acessar o painel para se familiarizar sem ter que pagar nada.

Como escolher ações para investir

Se você já acessou um home broker, sabe que as opções são infinitas. Existem muitos fundos e empresas com ações disponíveis e escolher a melhor pode ser complicado. Nem sempre é positivo optar por uma ação de empresa famosa, como a Vale, por exemplo.

Para se decidir, você tem duas opções:

  • Contar com um consultor: muitas pessoas pagam profissionais com experiência no mercado financeiro para que eles escolham como realizar o investimento. Essa é uma prática comum e não há nada de errado em contar com esse tipo de ajuda.
  • Coletar informação: você também pode investir em ações sozinho, sem ajuda profissional. Mas, para isso, precisa se informar muito e ampliar ao máximo o seu conhecimento sobre o mercado financeiro. Para isso, faça cursos, leia muito e troque ideias com quem entende mais do que você. Além disso, fique sempre de olho nas notícias do mercado, do governo brasileiro e do mundo. Tudo pode mudar e você precisa estar com o seu radar preparado. Com uma dose certa de conhecimento, você estará preparado para analisar as ações e escolher aquelas que são ideais para seu perfil.

Invista e cresça

Caso você decida investir em ações ou não, a verdade é que tomar a decisão de investir de forma geral é a melhor coisa que você pode fazer pela sua vida financeira. Comece tirando o dinheiro da poupança e realizando pequenas aplicações. Você verá o quanto isso pode ser benéfico.

Quer saber mais sobre investimentos? Recomendo também a leitura: Veja 10 dicas sobre como economizar dinheiro e investir bem.

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+