Se você ainda não implementou landing pages na sua estratégia de marketing digital, pode estar perdendo muitos leads. Neste artigo, vou ajudá-lo a compreender o que é isso e como construí-las para alcançar o maior número de contatos possível. Vamos lá?

O que é landing page

Landing pages são um tipo de página que permitem a captura das informações de visitantes por meio de formulários. Normalmente, são criadas para oferecer algo ao usuário, como destino final de uma campanha paga de marketing ou oferta de download de algum conteúdo, por exemplo.

Aqui está um exemplo de landing page:

landing page

Essa ferramenta é valiosa no mundo do marketing digital e pode transformar altas taxas de visitantes de um site em leads qualificados – ou seja, direcionados para a venda. O termo também pode designar qualquer página de destino. Para este artigo, vamos considerar as landing pages criadas como ferramenta de geração de leads.

Mas como é possível capturar contatos de leads? O processo é simples, conforme explico abaixo.

Como landing pages funcionam

Dentro de landing pages, informação equivale a dinheiro. Em troca da alguma oferta, como um conteúdo rico ou desconto, o usuário oferece seus dados (e-mail, nome, telefone, interesses).

Entretanto, para convencer o usuário de que vale a pena trocar seus dados pela oferta, a landing page precisa ser eficiente. Além disso, é importante assegurar aquela pessoa de que a companhia tem credibilidade e suas informações não serão divulgadas.

De acordo com a estratégia, os dados são utilizados para enviar e-mails confeccionados especialmente para aquela categoria de cliente, com ofertas específicas para ele. Veja o passo a passo da interação entre usuário e landing page que acontece nas estratégias de marketing:

  • Pessoa vê um call-to-action e se interessa, clicando e sendo direcionada para a landing page
  • Pessoa preenche o formulário e se transforma de visitante para lead
  • As informações são salvas no banco de dados
  • O lead passa a receber e-mails e informações direcionadas para suas dores e objetivos (nutrição de lead)
  • Com base nas interações seguintes, é possível marcá-lo como lead qualificado e enviá-lo para um time de vendas, onde será feito contato

Bem simples, certo? Entenda melhor quais são os elementos presentes na landing page que fazem essa mágica acontecer.

landing page

Elementos de uma landing page

Para que a estratégia funcione e você consiga muitos leads, é preciso contar com alguns elementos essenciais de uma landing page.

Em primeiro lugar está a oferta. O que o usuário irá receber em troca de seus contatos? Vale realmente a pena preencher o formulário para receber aquilo? O que exatamente está incluso nessa oferta?

Para que a landing page dê certo e tenha altas taxas de conversão, é preciso criar ofertas específicas para aquela persona, que realmente vão atraí-la. Quando o prospect está em estágios iniciais, a oferta é educacional e quando já cumpriu etapas do funil recebe itens mais diretos, como descontos ou promoções.

Criação da landing page

Com uma oferta escolhida, é hora de criar a landing page. Existem várias plataformas que permitem a criação em questão de minutos, como o RD Station, MailChimp, Hubspot, etc.

Algumas são pagas e vêm com pacotes completos de automação de marketing (possibilidade de envio de newsletter, e-mails de automação, lead scoring). Basta escolher aquela que melhor atende às suas necessidades. Você também pode fazer isso com a ajuda de um designer e de um programador.

Garanta que a landing page terá:

  • Página completamente focada na oferta (nem mesmo barras de navegação)
  • Título chamativo e explicação sobre o que exatamente está incluso na oferta
  • Imagem, vídeo ou outro elemento visual para aumentar a conversão
  • Formulário com pelo menos um campo de e-mail
  • Botão de download no final do formulário (escolha cores chamativas)
  • Entrega da oferta (que pode ser por meio de uma thank you page ou por e-mail)

Se todos esses elementos forem adicionados à sua landing page, a taxa de conversão tem chance de ser alta. Tenha ainda certeza de que a oferta está chegando ao usuário para não frustrá-lo. Lembre-se: sua marca está atrelada à efetividade da página.

Agora veja algumas dicas para criar landing pages excelentes.

Como criar uma landing page eficiente

Com essas dicas em mente, você tem mais chances de conseguir aumentar suas vendas com uma landing page:

  • Limite a navegação: não deixe que o usuário se distraia dentro da landing page. Uma vez que ele está dentro dela, deve haver apenas uma saída – o formulário.
  • Divulgue: espalhe a notícia sobre a sua oferta! Utilize suas redes sociais, contatos preexistentes de e-mail e até mesmo campanhas pagas e destinadas ao público certo.
  • Seja direto: o conteúdo da landing page não pode gerar dúvidas, confusão ou preguiça. Coloque as informações de forma clara e de preferência em bullet points. Assim, é possível escanear a página em poucos segundos e compreender para que a oferta serve.
  • Teste: não basta colocar a landing page no ar e esquecer dela. Monitore os resultados e, se possível, troque as cores e textos para gerar mais leads.

Se você decidiu implementar landing pages na sua estratégia de marketing, muito bem! Seus visitantes agora terão mais chances de se tornarem leads. Para ampliar ainda mais seu conhecimento, sugiro a leitura deste artigo, que fala sobre ações para transformar tráfego em vendas.

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+